SofásZone Castelo Branco

A marca SofásZone encontra-se na cidade de Castelo Branco desde o ano 2014, a nossa presença nesta cidade é fruto da politica da marca, nomeadamente da estratégia de expansão a nível nacional.

Hoje efectuamos uma pequena homenagem a um dos principais monumentos desta cidade, que é símbolo da mesma, e que carrega em seus ombros acontecimentos que marcaram a história do nosso pais.

Castelo de Castelo Branco, conhecido localmente como Castelo dos Templários, tem sofrido ao longo das décadas uma profunda degradação. Actualmente, neste monumento carregado de história, subsiste apenas um troço da muralha, ainda assim, visivelmente danificada. No entanto, é um monumento digno de visita, não só pela sua história, que é indestrutível com o passar dos anos, mas também devido à privilegiada sobre a cidade de Castelo Branco, que proporciona aos seus visitantes uma belíssima paisagem.

Efectuando uma retrospectiva, e seguindo a ordem cronológica referente aos acontecimentos que marcaram este monumento, vamos apresentar a evolução do Castelo ao longo do tempo.

No século XVI, Castelo Branco tinha a configuração de uma povoação-fortaleza, no entanto ao longo do século as suas fortalezas foram várias vezes danificada pelos ataques castelhanos e bem como nas invasões francesas.

Os sucessivos decorrentes/ou advindos da Guerra da Restauração, da Guerra da Sucessão Espanhola, da Guerra dos Sete Anos, como também os ataques sofridos durante as invasões francesas ataques arruinaram, consequentemente, o sistema defensivo de Castelo Branco.

O período que se seguiu às invasões francesas agravou o processo destrutivo para as construções defensivas, uma vez que a população estava autorizada, pelos poderes públicos a retirar pedras das muralhas para a construção de habitações.

Este processo de destruição foi fomentado pela força da natureza, já no século XX, com desabamentos ocorridos em virtude de tempestades que assolaram a região.

O castelo foi edificado sobre uma planta pentagonal, com cinco torres, a Torre de Menagem ou dos Templários, está bastante arruinada, e da cerca medieval, restam alguns troços de muralha, a chamada Porta dos Pelames e a Torre do Relógio.

A equipa SofásZone aconselha-o vivamente a conhecer os encantos que envolvem toda esta região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *